Decor, cottage, provençal

Hey people! Finalmente mais um post sobre decor vai sair. \o/

Pra quem tem Pinterest e me segue por lá, e pra quem já viu o primeiro post sobre provençal decor, conhece um pouco do meu gosto por este estilo que passa pelo provençal e vai para o cottage, vintage. Assim como outras descobertas que fiz na Irlanda, os detalhes provençais e cottage eu comecei a perceber mais quando estava por lá, nos idos de 2009/10. Parece uma década (quero voltar, rs). Quando cheguei por lá em 2009, praticamente 90% das vitrines traziam elementos românticos ou antigos. Eu ficava encantada. Primeiro, porque Europa em si já é antiga (bem conservada) e linda. Segundo, porque eles brincam com o jogo do novo e velho o tempo todo. Pra mim, era simplesmente tudo muito mágico. E continua sendo. Um pouco do que me fascinava por lá.

Sem contar as vitrines de lojas de roupas que também investiam no old fashion pra todo lado. E MAIS legal de tudo isso é que o preço não era nada exorbitante. Porque o antigo-classic é valorizado, mas eles não usurpam o bolso do consumidor pra poder ter essas belezinhas em casa, salvo algumas exceções.

Back to my place, já aqui em SP, minha realidade atual, as coisas não são tão fáceis, mas com paciência, bom humor e força nas perninhas pra rodar por aí, dá pra achar – ou inventar – moda pra nossa casa em preços acessíveis, e eis a saga atual.

Nosso cantinho é pequeno, não dá pra inventar um espaço super otimizado a la arquiteto chiquetoso por enquanto, mãaaas, aqui a gente se vira nos 30. Fds passado, fomos atrás da cortina da sala para trazer um pouco de aconchego ao nosso lar e, de quebra, amenizar o sol – lindooo – que entra pela nossa janela em dias claros paulistanos, sim eles existem!

Fuçando cortinas na internet, óbvio que fui cair nas cortinas românticas. Maridão não queria algo muito feminino – claro –  e eis a dificuldade em conciliar o gosto tema do post com o gosto masculino dos maridos. Mãaaas, nada como uma dose de paciência e bom senso, e de “tá bom, amor”, que não resolvam as coisas. Meu desafio era achar algo neste estilo CBB – clássico, bonito e barato. Rá. Já viram o preço de móveis provençais, por ex? Sério, fico chocada. O povo pega uma mesinha de MDF , pinta de branco, põe um puxador de rosas e pronto, quer vender por R$ 600. Uma mesinha de uns 45 cm, ok? Não, não, minha gente, exploração tá fora de moda, pro meu budget. Entonces, no meu caso, o negócio é rodar, pesquisar e andar muitoooo, e também, o famoso DIY (Do it yourself, faça você mesma – explicando, porque tem gente que não conhece a expressão, ok sabichonas?).

E lá fomos nós pro inferno paraíso das comprinhas baratex – nem tudo – em SP. March 25th Street. Vulgo, 25 de março. #alousacoleiros! Vi uns endereços de casas de cortinas e tapetes na internet, tomei fôlego e fui enfrentar o povo em pleno sábado. A sorte foi que resolvemos ir depois do almoço, fica a dica, people. A maioria das lojas já estavam fechadas, mas, as que queríamos, cortinas e tapetes, estavam abertas. Se vai só pra isso, evite stress das sacoleiras de bijoux e afins, é muuuuuita gente pra te acotovelar.

Bem na 25, entrei na Cia. Textil Niazi Chahfi, bem grande, com 9 andare se fomos direto para o nono andar, que é onde vendem cortinas prontas. Béeee, não achei nada do que queria. Fui pro 6 andar, cortinas feitas por medida, conversei com o cara, ele meio que sacou o que queria e deu um orçamento, que, ui, achamos muito salgado. Mesmo assim, descemos ao 3 andar pra ver os tipos de panos floridos que ele havia dito pra eu checar. Não curti nenhum muito assim óoh pra investir.

Andei mais um pouco pela rua e achei uma loja não tãaaao grande, mas que puxou meus olhinhos pra dentro ao ver tecidos liiindos florais e que me lembraram o Palácio de Versalhes (não fui lá ainda, mas me lembrou de referências visuais, filmes, fotos…). Não deu outra, estava lá o tal lindinho que eu tanto queria pra cortina e, depois de decidir a cor, pra não deixar a casa muito de boneca, o marido deu uns pitacos na estampa, e voilà, compramos! CBB, viu gente! O nome da loja é ABC Tecidos, 25 de Março, n.493. Quem me vendeu foi o Zico, teve bastante paciência com a pessoa aqui e o gerente deu um descontinho porque pedimos com instalação.

Depois de chorar descontos, pedi, com cara de gato de botas, o catálogo da coleção dos tecidos. Não me deixaram levar, mas me deram a dica do site da Karsten, marca do tecido que escolhemos. Gente, só pensava em compartilhar com vocês, é demais! Além do que, o site ainda permite fazer simulação das estampas em várias aplicações, móveis, parede, almofadas… Sem mais palavras, fiquem com as imagens, que falam por si mesmas.

Coleção Art Decor – Karsten

Quando eu digo chá meninas, that’s what I’m talking about!

Mals a foto escrita, mas essa era a capa do catálogo, não dava pra não mostrar este sofá.

Vale conhecer as outras coleções também, tem estampa e cor pra todo gosto. Recomendadíssimo. Agora, é esperar chegar as cortinas e ir arrumando a home aos poucos pra receber a família e amigos.

E esses móveis das fotos? Bom, dos móveis e outras coisinhas, conto depois – inventando moda, sempre. =)

Bjs!!

Advertisements

4 thoughts on “Decor, cottage, provençal

  1. Como consigo esses tecidos e papéis de parede?? Vou decorar minha casa nova uma sala e quartos neste estilo.Obrigada.

    • Olá, Sol!

      Como explico no post, os tecidos dessas fotos são da coleção Art Decor da Karsten. Eu encontrei o meu dessa coleção na loja ABC Tecidos, Rua 25 de Março, n.493, em São Paulo. Se você não for de Sampa, pode tentar ver em lojas de tecido e perguntar se eles tem essa coleção. Nas fotos do blog mesmo nas paredes eles usaram tecidos e não papéis de parede.

      Bjs e boa sorte!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s